fbpx
 
BLOG

Obstáculos e oportunidades para o crescimento do agronegócio brasileiro

Estamos a caminho de ser a maior potência agrícola do planeta. Já somos os maiores produtores e exportadores de inúmeros produtos, como café, açúcar, tabaco, suco de laranja entre outros. Somos competitivos em várias outras frentes e muitas das nossas culturas estão em pleno crescimento, com um imenso potencial de produtividade.

Temos vantagens nesta área devido aos nossos benefícios climáticos, de solo, água e luminosidade. Temos oito milhões de quilômetros e é o quinto país do mundo com potencial de expansão de sua capacidade agrícola, sem necessidade de agredir o meio ambiente. Nosso agronegócio é moderno e eficiente, é uma força que representa 33% do Produto Interno Bruto (PIB), 42% das exportações totais e 37% dos empregos nos país. Hoje, o mundo inteiro reconhece e reverencia o nosso país quando o assunto é agropecuária. Todos querem investir aqui.

Entretanto temos enfrentar grandes desafios para que possamos prosperar e comprovar todo esse potencial de crescimento.

Infraestrutura:

Nosso principal problema. A safra brasileira escoa por caminhões, através de estradas em péssimas condições, enquanto nossos maiores concorrentes utilizam barcos e trens. Nossos portos são lentos e muitas vezes mal gerenciados.

Nossa capacidade de recebimento e armazenamento não supre a demanda da área plantada. Os projetos de sistemas multimodais para transportar esses grãos ficam inacabados por falta de recursos e polêmicas ambientais.

Má gestão política:

Muitas vezes o potencial do agronegócio brasileiro é prejudicado por questões políticas, as quais incidem crucialmente em forma de prejuízos. Dois exemplos são a polêmica do Porto de Paranaguá e o caso dos transgênicos.  O caso dos transgênicos em especial é tão crítica que se o plantio de transgênicos estivesse ocorrendo no Brasil nas mesmas taxas dos USA ou da Argentina, os produtores brasileiros estariam economizando anualmente mais de R$ 1,5 bilhão por ano em defensivos agrícolas e óleo diesel.

Excesso de impostos:

Somos um dos países com a maior carga de impostos diretos e indiretos na atividade agrícola. O aumento do PIS e COFINS aumenta os custos do produtores através de uma série de insumos agrícolas afetados. Ao mesmo tempo, países como Estados Unidos e Japão cobrem seus produtores de subsídios e regras protecionistas, impedindo uma entrada mais agressiva nesses mercados dos competitivos agroprodutos brasileiros.

Mas como superar estes entraves e progredir?

Gestão de projetos no agronegócio

Como o agronegócio envolve atividades com alto grau de complexidade e está inserido em um cenário de mudanças rápidas, é imprescindível um papel de administrador no campo. A estrutura tradicional de gestão pode ser substituída por uma abordagem orientada por projetos, capaz de responder mais rápido e satisfatoriamente as mudanças. O profissional do agronegócio precisa atentar-se às novas tecnologias do setor, bem como à qualidade e à produtividade do negócio, definindo investimentos, insumos e serviços, para otimizar a produção e o uso racional dos recursos. E nesse sentido, a gestão de projetos é primordial para o desenvolvimento do setor.

Biocombustíveis

A onda de biocombustíveis no mundo está aumentando a demanda por produtos agrícolas. Os dois principais biocombustíveis no Brasil são o biodiesel e o etanol, derivados majoritariamente da cana de açúcar e do milho, amplamente produzidos em território nacional. É importante ressaltar que no Brasil o potencial de produção de biocombustíveis é muito maior que muitos países, como Estados Unidos, que já possuem sua produção saturada. Entretanto, o principal agente da cadeia de produção do biodiesel é o Governo Federal. Para viabilizar a inserção do biodiesel na matriz energética do país, bem como de sua cadeia de produção, ele ainda precisa intervir em diversos segmentos da mesma.

Crescimento populacional

Segundo a ONU, pela primeira vez a população urbana superou a população rural, além disso tem-se um aumento médio de 213 mil pessoas por dia. Isto demanda um aumento na produção alimentícia, o que corrobora com o aumento de renda da população, que consequentemente consome mais.

O Agroclube existe para ajudar produtores rurais e empresas do ramo a diminuir seus custos, através de um canal de vendas exclusivo para o agronegócio. Na nossa plataforma você encontra num só lugar oportunidades para melhorar seus rendimentos, além de soluções pro seu negócio e uma rede de contatos do agro.